almanaquistas contatos cadastro parceiros

AGENDA DE SHOWS

EM BREVE NOS CINEMAS

Arnaldo Antunes expõe objetos poéticos visuais


Em bem sucedida carreira solo há anos, o ex-cantor e compositor da banda Titãs investe na arte pop.


03/09/2014


por Roberto Cunha


Com um estilo único de se expressar, principalmente, através da música, que o tornou reconhecido nacionalmente, Arnaldo Antunes vem aí em nova empreitada artística através de objetos poéticos, na exposição "O Interno Exterior". Curioso não? A mostra, que é gratuita (olha que máximo!), começa nesta quinta-feira (4), às sete da noite, e vai apresentar centenas de fotos de letreiros, placas, cartazes de rua, tudo clicado por ele, deste 1990, época das turnês de musicais.

Retiradas do contexto original, as letras, palavras e frases ganham um novo sentido e serão expostas em 228 monitores de vídeo. Isso mesmo: duzentos e vinte e oito. As imagens animadas com a técnica stop motion serão vistas em vários ritmos e darão ao visitante a chance de viajar no enredo criado pelo autor. "Fiquei inicialmente fascinado por descobertas de escritos que, deslocados de seu contexto original, adquiriam um caráter poético. Assim se revelaram para mim a palavra ‘divino impressa numa caçamba de entulho em São Paulo, a ‘Funerária A Criativa em Salvador, as placas de sinalização de dois bairros de Lisboa - ‘Rato e ‘Estrela - com setas apontando a mesma direção, o letreiro da loja ‘Arte ao lado do letreiro ‘Change de uma casa de câmbio em Roma; entre outras", disse Antunes.


As paredes da galeria ganharam um tom escuro e a iluminação será somente a dos monitores. Antunes afirmou que existem várias temáticas próprias neste trabalho e elas se relacionam com as outras pelo impulso de expressar questões interiores com dizeres tirados da realidade exterior. "Num misto entre o acaso que me confronta com as inscrições do mundo e a manipulação de recortes e analogias entre elas, esse trabalho relaciona-se de alguma forma com os ready-mades de Duchamp, com as instalações e video walls de Nam Jum Paik, com os popcretos de Augusto de Campos e com a arte pop de uma maneira geral. Como disse Andy Warhol em Popism: The Warhol sixties (1980), Pop Art took the inside and put it outside, took the outside and put it inside\", completou.


SERVIÇO:
"O Interno Exterior" - Arnaldo Antunes
Curadoria: Daniel Rangel
Abertura: quinta-feira, 4 de setembro, às 19h
Exposição: 4 de setembro a 11 de outubro de 2014
Terça a sexta, 10 às 19h - Sábado, 11 às 16h
Grátis - Censura Livre
Galeria Laura Marsiaj
Rua Teixeira de Melo, 31 c - Ipanema - Rio de Janeiro