almanaquistas contatos cadastro parceiros

AGENDA DE SHOWS

EM BREVE NOS CINEMAS

Cassidy e Demian: 02


Por Jonathan Calazans

10/06/2014

Editora: Mythos

Preo: R$ 24,90

Pginas: 226

Autor: "Cassidy" Texto: Pasquale Ruju * Desenhos: Elisabetta Barletta - "Demian" Texto: Pasquale Ruju * Desenhos: Luigi Siniscalchi.

"Cassidy"

O desejo de vingana continua... Ainda procurando os traidores marcados em sua lista negra, Cassidy, percebe que apesar de seu talento nato na arte do assassinato, vai tambm precisar de muita grana, caso deseje concluir sua sangrenta retribuio. Para isso, o gangster ter de rever antigos "amigos de trabalho", arquitetando um ousado golpe de timo pagamento, o roubo de uma valiosssima mascara asteca. Mas entre os inimigos no meio do caminho e a dor de cabea para concluir um bom plano de invaso ao museu, eis que o protagonista tambm necessitar, ironicamente, da ajuda de uma agente da lei, sendo est, uma antiga paixo em sua conturbada historia.

Numa narrativa dinmica e cheia de ao, ( no digo s ao de tiro e exploses, mas ao nas cenas bem construdas, que no caem nas teias do tdio), essa edio mostra as habilidades de Ruju em prender os leitores em tramas inteligentes e com alguns graus de profundidade. Percebemos logo de inicio a preocupao do gangster com sua filha e sua ex-esposa, onde como em um carto de visitas, os traos de Luigi se destacam pelos detalhes e expresso dos personagens.

Novamente o misterioso senhor aparece, como um espectro retirado de um sonho, profetizando mais uma vez o destino de Cassidy, numa cena cheia de lirismo e musica, sendo est ultima, usada harmoniosamente durante toda a narrativa. Um novo inimigo aparece, um ambicioso chefe do crime organizado chamado Sr Bolton, um perigoso antagonista para sua amiga advogada, onde percebe-se que Ruju utiliza-se dessa sub-trama, para abordar conceitos sociais, (como o capitalismo desenfreado, o povo pertencente das castas mais pobres, excludos e explorados por um governo que sustenta seus prprios criminosos).

Por fim, essa segunda trama cumpre seu papel, bem estruturada, com boas viradas e dilogos bem construdos. Infelizmente, o enredo s peca no clmax, (no que seja ruim), mas foi abaixo do esperado para uma historia to bacana.

"Demian"

Petite Claire, um misterioso navio transportando algo ainda mais misterioso, parte do porto de Marselha coberto pela neblina da noite. Maurice Poirier, um marinheiro a bordo do navio envia uma ultima mensagem para sua mulher, uma agonizante mensagem de adeus. Nervosa, sua esposa procura saber a localizao do navio, mas "estranhamente", no existe sequer um dado o sobre Petite Claire nos computadores do servio porturio. contudo, Sua procura acaba por atrair os olhos do chefo do crime da cidade, tendo Demian que proteger a frgil mulher, antes que ela seja brutalmente "silenciada".

Numa narrativa cheia de poesias que se mesclam as cenas, Demian ter no s que enfrentar traficantes de escravas e assassinos, como tambm localizar e entender o mistrio acerca do desaparecimento do navio e a morte de toda a sua tripulao. Interessante a evoluo dos personagens com o avanar da historia, (alguns anos se passam desde a primeira edio), alm de detalhes importantes que aos poucos so revelados, como a fraternit e o crime organizado de Marselha.

Demian ganha ainda mais profundidade, onde traumas ligados ao seu antigo amor, parecem inibi-lo de se aventurar em novos relacionamentos. Ruju trata de incorporar todos os fascnios do justiceiro pelas artes, abordando durante toda a narrativa, elementos ligados a literatura, poesia e at opera-lrica.

Alm do desejo de proteo, Demian, acompanhado por seu amigo Gaston, tambm iro compartilhar o mesmo desejo de vingana, aps a morte de um querido amigo, que como ultimo presente, revela informaes valiosas sobre o Claire, numa sequncia de cenas cheias de ao, sangue e um grande climax, que gera uma perturbadora dvida em sua concluso: Qual era o misterioso carregamento responsvel pela morte da tripulao do navio?

Recomendo sem sombra de dvidas!